OLHO VIVO NO DINHEIRO PUBLICO

Tudo que o Governo (Prefeitos, Governadores e Presidente) gasta vem dos impostos e taxas que pagamos.



A Prefeitura deve incentivar a participação

popular na discussão de planos e orçamentos.

Suas contas devem ficar disponíveis paras

qualquer cidadão.

(Lei de Responsabilidade Fiscal, art. 48 e 49)




Não é dever e sim obrigação. Com esse intuido nos perguntamos como podem o proprietários que tanto pediram os mata burros (fotos abaixo) agora colocarem porteiras nos mesmos. Entendemos que a Prefeitura não realizou a devida manutenção nos mesmos, mas isso é inaceitável porque as pessoas que usam esta estrada agora tem novamente que parar seus veiculos/motos para abrirem as porteiras.

Bom, contudo neste pequena amostra dá pra se notar que nossos vereadores tambem se preocupam muito pouco com o destino das verbas do municipio. Com isso deixamos de ter lazer, turismo, saúde, educação, saneamento e muitas outras coisas que são de nosso direito.

O favorecimento de poucos acaba neste tipo de situação, infelizmente não é um caso isolado. Agora vemos uma pesquisa em um site do Municipio em que está se discutindo a aprovação de uma lei onde vai favorecer os compadres e o coronéis.

O PT de Piranguçu faz uma unica pergunta, onde ficam os menos favorecidos nesta história?

Piranguçu solta rojões pela falta de Transparencia e qualidade de Vida.

Quem acompanha as notícias, em Piranguçu, entende o motivo do título deste texto. Em mês de aniversário de uma cidade, é comum que as prefeituras divulguem a programação de comemoração. Venhamos e convenhamos, quando a gente faz uma reforma na casa, constrói uma piscina, um jardim interno, a gente até pode fazer uma festa de inauguração, chamar os amigos mais chegados e brindar aquela conquista. Mas, desconheço que alguém chame os amigos pra brindar o desentupimento do esgoto, a limpeza da caixa de gordura ou a troca de azulejos quebrados. Por outro lado, acho importante sim que o povo tenha água em suas casas. Apesar da gravidade da situação, era uma reivindicação antiga, agora satisfeita pela administração. Ainda outro lado: a Prefeitura é obrigada por lei a dar publicidade a tudo o que realiza, com o quê e quanto gasta. Portanto, precisa divulgar sim que construiu Qualquer coisa e quanto custou isso. Só acho que a Prefeitura poderia ter se preocupado em fornecer água de qualidade aos munícipes em vez de ficar desperdiçando água tratada. Melhor teria sido se divulgasse, de forma impressa, um balanço dessas obras de manutenção, com seus custos e benefícios, mas que não se soltasse rojão por elas.Quem sabe as causas de tantos casos de Câncer do nosso município, pode ser por falta de água tratada que nosso povo tanto tem consumido...

Nenhum comentário:

Postar um comentário